7 de fev de 2006

Pela Estrada Afora...

 


...sinto que vou bem sozinha, junto as milhares de pessoas que seguem comigo e a cesta cheia de sonhos adormecidos, quando nao fingindo-se de mortos. Talvez eu veja um facho de luz apos atravessar mais uma etapa do caminho. Mas estou cansada; meu sonho de consumo e uma cama enorme, cheia de travesseiros de penas de ganso e uma colcha macia com cheiro de amaciante. Onde estara o bendito lobo mau para me resgatar da rotina que por hora me sufoca? (Picture by Adriana) Posted by Picasa

Um comentário:

Marcia Du disse...

Quisera nesta hora ser um lobo e resgatar a tua tristeza.
Bjs
Conta comigo.