21 de ago de 2007

Comigo



Dessa vez, não nos afogamos em lágrimas na hora da partida.
Sequer antecipamos a dor de nos perdemos um do outro mais uma vez, chorando baixinho sobre o travesseiro.
Não fui até seu quarto escondida para velar seu sono e sussurrar que lhe amava.
Nem precisei fugir do seu verde olhar para que você não visse o vazio da saudade inundado de castanho.

Olhei pra trás antes de bater a porta e sabia que não encontraria você.
Mesmo assim, olhei.

Só pra ter certeza que, a partir de então, você viria comigo.
Posted by Picasa