30 de ago de 2008

Neologizando



Somos enrugáveis. Apesar dos cremes rejuvenescedores, do raio laser, do botox, da clínicas reparadoras, das vitaminas, das medidas preventivas, da medicina ortomolecular.

Somos irremediavelmente envelhecíveis. Apesar da ciência, dos produtos orgânicos, da lipoaspiração, do dinheiro, das esteiras ergométricas, da fama, da yoga, pilates e exercícios de meditação.

Encolhíveis, mancháveis, desidratáveis, debilitáveis, enfraquecíveis, morríveis, enterráveis.
E tão somente por isso, absolutamente memoráveis.
Posted by Picasa

11 comentários:

Martha disse...

Somos apenas retocáveis,disfarçaveis,a mudança maior acontece dentro de nós e essa fica para sempre na memória daqueles a quem demos ou não o melhor. O mundo plástico é só mais um engano q o homem comete por sua própria vaidade. Vc é uma dessas pessoas q não precisam de nada disso pra permanecer linda e jovem,porque isso vem de dentro de você e resplandece na sua aparência,você é luz!!!

Anônimo disse...

A Martha disse tudo:
Voce e luz!!
E quanta luz.
(Hilra)

ANDRE disse...

Quer queiramos, quer não, todos temos prazo de validade!!!E quando ultrapassamos a data nem "neologizando" nada conserta o estrago!!!Adorei os comentarios dos 2 posts anteriores.

Matheus disse...

Quando crescer, quero ser como voce!;DDD

Anônimo disse...

Matheus, quero dizer que não é fácil. Eu já cresci a não chego aos pés. (Rs!!!) Márcia du

doce deleite disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
doce deleite disse...

Querida amiga nova: Ótimas impressões. Vc tem um estilo bem particular e elegante de escrever.

Sobre o texto, sempre me orgulhei das minhas rugas e cicatrizes, elas são a escrita da minha vida em meu corpo, cada uma com a sua historia.

Um abraço.

Anônimo disse...

Focando só na matéria é um tanto angustiante ver a velhice chegar.Mas se olharmos com os olhos da Alma é bem gratificantes as experiências adquiridas ao longo dos anos.
Citando Lya Luft a vida é feita de Perdas &Ganhos.
Carminha Araújo.

Anônimo disse...

Minha querida amiga sumida,
quando terei a alegria de falar com voce sem hora pra terminar??
Oh saudade enorme, e a Marcia tem razao, viu, Matheus? Tambem ja cresci (em idade ao menos) e nao tem a menor possibilidade.

Beijo,
Hilra

alessandra disse...

Querida Adri,somos tudo isso e muito mais quando nos vemos sendo reproduzidas nas escolhas, nos gestos,nas idéias daqueles com quem convivemos ( seja pessoal ou profissionalmente). O mais legal disso tudo é qdo nos orgulhamos de cada marquinha deixada na folha da nossa vida.... Desta forma seremos eternizáveis.... Beijo!

Cristina Souto disse...

Estou encantada com a leveza que você expõe suas idéias! Parabéns e repito, simplesmente ENCANTADA!
Bjs,

Cristina Souto